segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Drenagem Linfática Pós Parto auxilia na redução de medidas

A maioria das pessoas fica perplexa ao ver as celebridades que, após o parto, voltam em poucos meses ao corpo que tinham antes de engravidar. Um exemplo recente é a cantora de axé Cláudia Leitte que, apenas um mês após dar a luz, surpreendeu os fãs ao aparecer sem barriga e com o corpo perfeito. Desde então, foi muito assediada para contar o segredo de voltar à antiga forma tão rápido.
Como isso foi possível? A cantora Cláudia Leitte tem o histórico de uma rotina de vida saudável, que inclui exercícios físicos regulares, alimentação balanceada e sessões de massagem manual para reduzir a retenção de líquidos em determinados períodos do mês. Após o nascimento do filho, como não poderia fazer atividade física pesada, ela fez uma combinação de sessões diárias, duas vezes ao dia, de drenagem linfática e aplicação de ultrassom, associada a uma alimentação especial e caminhada leve.
E isso não é previlégio das celebridades.Todas as mulheres que dedicarem parte do seu tempo no pré e pós-parto para cuidar do corpo terão um resultado satisfatório após a gestação.
A drenagem linfática é muito utilizada no pré e pós-parto, prevenindo e evitando transtornos da circulação, ajudando a eliminar os líquidos e as toxinas retidas no organismo.
O tratamento proporciona bem-estar emocional e os resultados favorecem a auto-estima, o que garante uma gravidez mais saudável e feliz. No pós-parto, a massagem ajuda a reduzir mais rapidamente o líquido retido durante a gestação, contribuindo para a recuperação plena da saúde física e estética.
Durante a gestação há um aumento na produção hormonal, responsável por várias modificações estruturais e musculares. Alguns dos hormônios essenciais na gravidez são responsáveis pela tendência de reabsorver sódio, e isso causa a retenção hídrica. O corpo tem um aumento do volume sanguíneo que varia de 30% a 50%, ou seja, temos a capacidade de reter em nosso organismo um volume de água até 8 litros acima do normal.

Através de manobras suaves e ritmadas, este tratamento tem como objetivo reduzir edema e melhorar a circulação do sistema linfático, auxiliando na circulação sanguínea.
Os benefícios da drenagem linfática no pós-parto:

  • estímulo da circulação venosa e linfática, que reduz a retenção de líquido, diminuindo os inchaços típicos da gravidez, além de estimular a lactação e a dessensibilização das mamas preparando-as para a amamentação;
  • prevenção e combate às varizes, câimbras e sensação de pernas cansadas;
  • combate à celulite  (comum nas gestantes);
  • alívio de tensão e redução de dores musculares;
  • ativa o sistema vegetativo, aumentando a sensação de relaxamento ajudando a combater o estresse
  • proporciona regeneração e aumenta a imunidade do organismo, uma vez que aumenta a eliminação de toxinas e estimula a produção de linfócitos pelos gânglios linfáticos.
No pós-parto a mãe mantém os benefícios da drenagem linfática para auxiliar na redução da retenção hídrica devido alterações hormonais além de sensação de relaxamento para a nova situação de vida com o bebê.
A Drenagem Linfática pode ser realizada antes do parto, durante os dias que a mamãe fica no hospital ou ainda após o parto.
 
Entre em contato, se você não puder vir até nós, vamos até você!
 

Um comentário:

Anônimo disse...

Quanto tempo após uma cesariana pode se iniciar a drenagem linfática manual?